Seguro Auto Fortaleza

at Avenida Heráclito Graça, 409 Centro, Fortaleza, 60140-060 Brazil

Seguro Auto Fortaleza é formada por corretores habilitados e consultores experientes, profissionais com intensa atuação em Seguros de Veículos.


Seguro Auto Fortaleza
Avenida Heráclito Graça, 409 Centro
Fortaleza 60140-060
Brazil
Contact Phone
P: 8540629062
Website
http://www.seguroautofortaleza.com.br

Company Rating

34 FB users likes Seguro Auto Fortaleza, set it to 579 position in Likes Rating for Fortaleza, Brazil in Local business category

Relação de perguntas mais freqüentes sobre o Mercado de Seguros e suas respostas: Qual o papel do corretor na relação segurado e seguradora? A figura do corretor é imprescindível na contratação de qualquer tipo de seguro. Ele é o representante legal do segurado perante à seguradora, já que não é possível contratar nenhum tipo de seguro sem a sua intermediação. O corretor busca a melhor relação custo/benefício para o seu segurado. O que é prêmio? Prêmio é o valor pago pelo seguro contratado, é quanto vale o seu seguro. O que é sinistro? É a ocorrência de prejuízo ou dano (colisão, incêndio, acidente, roubo etc.) em algum bem segurado. O que é franquia? É o valor pago pelo segurado no sinistro de perda parcial. No caso de perda total ou sinistro com terceiros, o segurado não contribui com esse valor. O que é endosso? É o documento emitido pela seguradora comprovando alterações na apólice (substituição do veículo, inclusão de acessórios, aumento da importância segurada etc.). O que é bônus? Bônus é um desconto progressivo que é dado para o segurado que reduz o preço do seu seguro, caso o mesmo não apresente nenhum sinistro para indenização durante a vigência da apólice. O que são coberturas? São os riscos contratados pelo segurado que estão expressos na apólice de seguro. Nas apólices de automóveis as coberturas mais comuns são: - Compreensiva: cobertura contra incêndio, roubo e colisão sofridos pelo veículo; - Incêndio/roubo: cobre somente danos causados por incêndio ou roubo do veículo; - Incêndio/colisão: cobre somente danos causados por incêndio ou colisão do veículo; - Responsabilidade Civil Facultativa: a Responsabilidade Civil do proprietário ou do motorista (autorizado) está coberta até o limite especificado na apólice e cobre danos causados a terceiros, sejam eles corporais ou materiais. O que é indenização? É o valor pago pela seguradora ao beneficiário em caso de sinistro, indenizando-o pelo prejuízo sofrido. Os acessórios instalados no carro - toca-fitas, CD-player etc. - estão cobertos pela apólice de seguros? Não, mesmo que sejam originais, de fábrica. Nestes casos, deve-se contratar uma garantia opcional, específica para esse tipo de cobertura. No caso de perda total do veículo é obrigatório o pagamento total da apólice? O pagamento total do valor da apólice em casos de perda total do veículo não é obrigatório, pois a Importância Segurada constante no contrato é meramente referencial e representa o valor máximo indenizável, prevalecendo como parâmetro para as indenizações, o valor médio de mercado do automóvel. Esse foco de conflito tende a não mais existir, a partir da adoção pelas seguradoras, das modalidades de apólices com "Valor de mercado referenciado" e "Valor determinado", onde as premissas para o valor a se indenizar nos casos de perda total estão claramente definidas no contrato. O bônus é preservado quando se solicita à seguradora o ressarcimento parcial do prêmio em caso de venda do veículo? Sim, pois a perda do bônus, somente está vinculada ao recebimento de indenização em caso de sinistro com o veículo segurado. Qual o limite (percentual) do bônus? Na prática, não há limitação no percentual do bônus, ficando a critério de cada seguradora, após a aprovação da SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) estabelecer as suas faixas de bonificação.Atualmente, o mercado tem trabalhado com o máximo de 30%. Qual o motivo da franquia? A definição conceitual da franquia é: "Valor inicial da Importância Segurada, pelo qual o segurado fica responsável como segurador de si mesmo", ou seja, o segurado em caso de sinistro, também participa dos prejuízos, acreditando-se assim que aumente a sua preocupação em preservar o seu patrimônio. Que são equipamentos nos seguros de automóveis? Não se deve confundir "Acessórios" com "Equipamentos", pois "Acessórios" para fins de seguro, são os rádios toca-fitas,Cd players,TVs, etc...Já os "Equipamentos" seriam os guinchos Munck, unidades frigoríficas, compactadores de lixo, etc. O que é subscrição? "Processo de exame, resultando na aceitação ou rejeição do risco proposto." "Classificação dos riscos selecionados para a formação do preço adequado". Toda seguradora possui sua politíca de subscrição própria. O que é seguro? Contrato pelo qual uma das partes se obriga, mediante cobrança de prêmio, a indenizar a outra pela ocorrência de determinados eventos ou por eventuais prejuízos. O contrato de seguro é aleatório, bilateral, oneroso, solene e da mais estrita boa-fé. O seguro possui algumas características básicas: Incerteza, mutualismo, previdência, possibilidade de causar prejuízos futuros etc... Em caso de sinistro, é necessário que o condutor esteja relacionado na apólice? Não necessariamente, mas com a utilização dos questionários (perfil) elaborados pelas seguradoras, é fundamental que sejam informados os possíveis condutores do veículo segurado, sob pena de em alguns casos de omisssão, ocorrer até a perda do direito à indenização. Qual a origem do seguro? Há controvérsias sobre a origem do seguro, mas existem registros de pactos feitos por cameleiros do extremo oriente, no sentido de cotizarem-se para cobrir a perda de animais ocorrida no decurso das viagens de caravana, em forma de mutualismo embrionário. Há também registros de navegadores fenícios e hebreus que firmavam pactos de reposição de embarcações perdidas em aventuras marítimas. Todos as formas precursoras do seguro estavam ligadas às aventuras marítimas e o primeiro contrato de seguro foi firmado em 1374, que se encontra em ata lavrada no arquivo nacional genovês. No Brasil o seguro só teve expressão a partir de 1808, com a transferência da corte imperial portuguesa e a fundação da primeira seguradora, a Companhia de seguros Boa-Fé, sediada na capitania da Bahia. Por que o perfil do condutor? Pelas estatísticas existentes nas seguradoras, é possível diferenciar o preço ou até mesmo não se aceitar o risco, em função do perfil do condutor. Portanto, a existência do perfil, aliada a outros fatores, tipo: Modelo e ano de fabricação do automóvel, local de maior circulação do veículo etc..., permitem a melhor seleção do risco e uma melhor "precificação" do seguro. Qual o prazo legal que uma companhia tem para liquidar um seguro após ter recebido e aprovado toda a documentação? Pela Circular 90, de 27/05/1999, a SUSEP estabelece que "Nas Condições do seguro deverá ser estabelecido prazo para liquidação dos sinistros, limitado a trinta dias, contado a partir do cumprimento de todas as exigências por parte do segurado". Portanto, cada seguradora, para cada ramo, poderá estipular o prazo máximo para o pagamento da indenização, desde que esse prazo não ultrapasse 30 dias. Fonte: www.segs.com.br

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->